+
Dentro de cada pessoa existe multidões, às vezes eles brigam entre si, não entram em acordo, se confundem. Mas entenda, você é uma infinidade de possibilidades, basta saber quem ser em cada momento. Às vezes nos sentimos bem e logo a tristeza nos abraça, queremos matar pessoas que em breve iremos perdoar. Ninguém é apenas um, somos muitos, somos vários, é impossível viver apenas com uma parte de si mesmo.

Sean Wilhelm.   (via relevoar)

criou:

• Visit my Tumblr •
7h27:

Eu.
brazilwonders:

(via Greenpeace Brasil)
+
Não, a vida não me desapontou. Pelo contrário, todos os anos a acho melhor, mais desejável, mais misteriosa. Desde o dia em que vejo a mim a grande libertadora, a ideia de que a vida podia ser experiência para aqueles que procuram saber, e não dever, fatalidade, duplicidade. Quanto ao próprio conhecimento, seja ele para outros aquilo que quiser, um leito de repouso, ou o caminho para um leito de repouso, ou distração ou vagabundagem, para mim é um mundo de perigos, é um universo de vitórias onde os sentimentos heroicos têm a sua sala de baile. A vida é um meio de conhecimento; quando se tem este princípio no coração, pode viver-se não somente corajoso mas feliz, pode-se rir alegremente. E quem, de resto, se ouvirá, portanto, a bem rir e a bem viver se não for primeiramente capaz de vencer e de guerrear?

Friedrich Nietzsche (via sereno)

+
É claro que ninguém nunca vai ser como a gente espera. É claro que precisamos fechar um olho, fingir que não ouvimos determinadas coisas, deixar passar batido outras tantas. Se formos levar tudo ao pé da letra fica muito difícil manter uma amizade. Mas não dá para pisar em ovos o tempo inteiro, não dá pra encenar um papel a todo instante. Precisamos ser nós mesmos. Preciso manter minha naturalidade, não posso viver dando desculpas para sua falta de jeito ou para o meu excesso de sentimentalismo. Sim, eu sei que fico filosofando sobre as coisas e procuro pelo em ovo. Mas ultimamente ando mais simples, mais consciente. O que tiver que ser vai permanecer. É claro que todos os relacionamentos exigem esforço, precisam de um empurrão para funcionar. Mas não posso ser a única a fazer esforço. Dois têm mais força que um. Lembra disso.

Clarissa Corrêa.  (via inverbos)

»